INTRODUÇÃO


As bandejas de suspensão são itens essenciais no sistema de suspensão dos veículos. A TRW recomenda a troca a cada 1 50.000 km com substituição dos componentes nos dois lados do veículo. O carro utilizado neste treinamento é o Gol G5 2009 motor EA 101. Vamos lá?

Antes de trocar as bandejas, procure por vazamentos do motor ou da direção hidráulica. Se encontrar algum, repare e faça a limpeza de toda a área. Tudo certo? Pode começar a realizar o processo.

O primeiro passo é soltar a porca do terminal de direção. Depois, para remover o terminal, use a ferramenta certa, como indicamos na imagem.

Em seguida, removemos a porca do pivô da suspensão e, por fim, com o auxílio de uma espátula, alavancamos a bandeja com o pivô para remoção. Vale ressaltar que este procedimento é feito com o carro no elevador depois da remoção das rodas.

Com a ajuda de uma catraca e de uma chave, retiramos os parafusos da bandeja para finalmente removê-la.

É importante checar o estado das buchas. Se tem trincas, ressecamentos e contaminação por óleo. O mau funcionamento das bandejas é coisa séria: além do desgaste dos pneus, pode aumentar o consumo do combustível e, claro, o risco de acidentes.

De volta para o veículo: é hora de montar a peça. Primeiro, fixe a bandeja no quadro da suspensão e, em seguida, o pivô. Não se esqueça de verificar se as porcas são autotravantes. Caso não forem, é preciso utilizar uma trava química.

E agora? Bom, é só fazer a fixação com a ajuda do torquímetro. Verifique se está tudo muito bem fixado, ok?